Jardim de Monet em Giverny: uma obra viva do grande mestre impressionista

Claude Monet, o grande mestre do Impressionismo foi um gênio não só na pintura, como também na concepção do enorme jardim de sua casa, em Giverny (uma pequena cidade na Normandia, a menos de uma hora de viagem de Paris).

Jardim_de_Monet_Giverny (9) O Jardim de Monet encanta o olhar pela quantidade e diversidade de flores em suas alamedas. Um lugar  extremamente inspirador para os visitantes, que podem conhecer a atração entre os meses de Março e Novembro.

Eu visitei o Jardim de Monet em Agosto, época do Verão no Hemisfério Norte. Estava lindíssimo. Mas imagino que estivesse ainda mais colorido na Primavera.

Fiquei impressionada com a harmonia em que cada planta foi disposta pelos talentosos jardineiros que dão continuidade a essa obra de arte viva de Claude Monet.

Jardim_de_Monet_Giverny (18)

Os canteiros e alamedas mostram espécies variadas misturadas, o que poderia sugerir uma certa bagunça ao olhar. Mas, muito pelo contrário, de alguma maneira elas combinam entre si e fazem parecer que tudo aquilo que está diante dos seus olhos foi plantado ao acaso – o que não é verdade.

Jardim_de_Monet_Giverny (14)

Monet viveu ali por 43 anos e cuidava pessoalmente das suas plantas, retirando cada folha seca do chão e levando suas visitas para conversar e passar horas naquele lugar mágico, que inspirou tantas de suas famosas obras.

Jardim_de_Monet_Giverny (15)

Além dos jardins, também é possível visitar sua casa, que está muito bem conservada e parece até um cenário de tão perfeita que é. A mesa posta, a cama feita, as tintas no ateliê… Cada detalhe é tão bem cuidado que nos dá a sensação de que os moradores daquela casa estão  prestes a chegar. Infelizmente, não tenho fotos do interior. Mas esta é a fachada da casa. Uma lindeza!

Jardim_de_Monet_Giverny (1)

Os jardins aquáticos são uma atração à parte. Eles parecem uma tela impressionista de Monet, com os lagos e córregos refletindo a a paisagem, com a vegetação criando sombras e áreas livres iluminadas pela luz do dia.

Jardim_de_Monet_Giverny (19)

Jardim_de_Monet_Giverny (12)

Os arredores do Jardim de Monet também valem uma visita. Na Rua Claude Monet há também o Museu Impressionista com jardins lindamente coloridos.

Jardim_de_Monet_Giverny (16)

E as casinhas e construções de Giverny dão a sensação de que aquele lugar parou no tempo. Fiquei apaixonada!

Jardim_de_Monet_Giverny (20)

Vamos aos dados práticos para chegar a Giverny e visitar o Jardim de Monet:

– Reserve um dia para a visita.

– Antes de programar a visita, acesse o site da Fundação Claude Monet e verifique se o Jardim está aberto (ele fecha de Novembro a Março).

Jardim_de_Monet_Giverny (11)

– Se o seu ponto de partida for Paris, pegue o trem na Gare Saint Lazare em direção a Vernon. Consulte os horários de partida dos trens em http://www.voyages-sncf.com/billet-train/horaires

– Se for de trem, logo na saída da estação de Vernon, pegue o ônibus que faz o transfer até Giverny. Este ônibus sai 15 minutos após a chegada do trem e não passa em intervalos muito frequentes. Então o melhor a fazer é se encaminhar logo para sua fila. O mesmo ônibus faz o trajeto Giverny-Vernon, por isso você poderá comprar uma passagem de ida e volta. Consulte junto à linha de ônibus os horários de retorno.

– Se estiver disposto a pedalar por 7 km, poderá alugar uma bicicleta na estação de Vernon para chegar a Giverny. Também é possível ir a pé, se você tiver disposição. Mas eu recomendo guardar suas energias para passear no Jardim de Monet.

– O Jardim de Monet fica bem cheio de turistas, então o melhor a se fazer é chegar cedo ao local para poder apreciá-lo e tirar suas fotos com mais tranquilidade.

Jardim_de_Monet_Giverny (10)

– Você poderá comprar o tíquete online caso não deseje perder tempo na fila. Eu dei sorte e peguei uma fila bem pequena em Agosto, mas não sei dizer se é sempre assim em todas as épocas do ano.

Consulte aqui outros pontos turísticos de Giverny.

Sobre Márcia Oliveira 226 Artigos
É uma carioca completamente apaixonada por viagens - assim que chega de uma já está planejando a próxima. Atualmente mora em Munique, na Alemanha. É Jornalista e tem um marido super gente boa que a acompanha em suas aventuras. Adora fotografia. Ama a família e os animais. Aprecia as coisas simples da vida. E adora escrever no blog e conversar sobre viagens!

2 Comentário

Dê vida a este blog! Deixe sua opinião aqui!