Jungfraujoch: um passeio obrigatório na Suíça

Quer fazer um dos passeios mais bonitos da sua vida? Então dê um pulinho até a Suíça e tire um dia para ir até o Jungfraujoch, a estação ferroviária mais alta da Europa.
A viagem começa na linda cidade de Interlaken, que fica a cerca de uma hora de trem de Berna. Na estação Interlaken Ost, você compra o seu bilhete a um preço salgadíssimo para os padrões brasileiros – cerca de R$ 400,00 por pessoa (valor de Agosto de 2013)- e recebe o passaporte para o Jungfraujoch, que poderá ser carimbado lá em cima, na estação que fica a mais de 3400 metros acima do nível do mar.

Ah, e uma dica muito importante!
Ao apresentar o tíquete de trem do Corcovado no momento da compra do seu passaporte para o Jungfraujoch, você conseguirá um 50% de desconto! Eu soube da pechincha durante uma pesquisa na web e consegui dois tíquetes com uma amiga que havia recentemente visitado o Cristo Redentor. Em Interlaken, os apresentei na bilheteria e realmente paguei metade.  Atenção: verifique se o desconto ainda está valendo na época de sua viagem, enviando uma mensagem no site do Jungfraujoch!
De Interlaken, você pega o primeiro trem do trajeto até uma cidade encantadora chamada Grindelwald. Ao chegar lá, não tem jeito, é paixão à primeira vista! As flores, as casas, as ruas, as montanhas… tudo é tão perfeito, que dá vontade de ficar ali apreciando aquela paisagem deslumbrante o dia inteiro.
Mas, como a subida até o Jungfraujoch é demorada, após alguns minutos de aclimatação em Grindelwald (é recomendável ir subindo aos poucos para diminuir os sintomas desagradáveis que podem ser causados pela altitude), pegamos novamente o trem com destino a Kleine Scheiddig.
Na estação Kleine Scheidigg, a 2061 metros acima do nível do mar, você tem a magnífica vista das cidades que se localizam em altitudes mais baixas, encontra várias vaquinhas simpáticas com sinos no pescoço (como eles fazem barulho!) e também pode apreciar os alpes e as impressionantes geleiras eternas mais de perto.

A partir desse ponto, o trajeto passa a ser percorrido, em sua maior parte dentro dos túneis, que há 100 anos foram escavados na cadeia de montanhas Eiger-Mönsch-Jungfrau.

É realmente impossível imaginar as dificuldades que os engenheiros operários encontraram para construir a ferrovia naquela época, utilizando ferramentas e máquinas rudimentares e ainda tendo que conviver com condições climáticas extremamente desfavoráveis. Tudo isso somado à operação impecável e às paisagens que deixam qualquer um de queixo caído me fizeram entender e valorizar o alto preço do ingresso.

O trem saindo de Kleine Scheidigg com destino ao topo da Europa faz duas paradas de cinco minutos dentro dos túneis para que os passageiros possam apreciar as geleiras bem de perto a partir de pontos de observação. E as paisagens são realmente deslumbrantes!

Após cerca de 50 minutos, chega-se, então, ao destino final – ao célebre Jungfraujoch. Confesso que os primeiros instantes lá em cima, a mais de 3400 metros de altura foram um pouco tensos. Eu fiquei bastante tonta e me senti um pouco desnorteada e cansada. Ah, e também tive um soluço brabo, que não passava de jeito nenhum. Meu marido também se sentiu um pouco estranho. Mas, também, não tivemos nada além disso. Após uns 20 minutos já estávamos novamente nos sentindo bem novamente e pudemos aproveitar bastante todas as atrações oferecidas lá em cima.
A primeira delas é o observatório meteorológico Sphinx. Para chegar até a ele, você pega o elevador mais rápido da Suíça que leva você a uma estação a 3571 metros acima do nível do mar em apenas 25 segundos. De lá de cima, a vista sobre glacial Aletsch é impressionante: são 22 km de um mar de gelo que parece não ter fim. E mais: você também pode avistar algumas imponentes montanhas na França, Alemanha e Itália.

Outra atração imperdível é o Palácio de Gelo. Você percorre a pé (e se é tão corajoso quanto eu, agarrado a um corrimão) várias galerias com esculturas e túneis de gelo em uma área de 1000 m², a menos três graus Celsius. Trata-se, na verdade, de um glacial que foi esculpido em forma de caverna por dois alpinistas e que hoje é mantido e restaurado constantemente pela concessionária que explora o Jungfraujoch.

A descida do Jungfraujoch é um tanto quanto… sonífera! Pois é, a maioria das pessoas que estava no nosso trem tirou um cochilo ou ficou batendo cabeça durante o trajeto. Acho que isso acontece devido à diferença de atitude, mas não sei realmente qual a explicação científica.


No retorno, paramos novamente em Kleine Scheidigg (o tempo estava ficando realmente feio) e de lá pegamos o trem em direção a Lauterbrunnen. Antes, porém, paramos na magnífica Wengen, onde, para nossa sorte, o sol já estava brilhando novamente. E que lugar maravilhoso! Parece ter saído de um conto de fadas, vejam só abaixo.
Em seguida, pegamos outro trem e chegamos a Lauterbrunnen, uma cidadezinha que fica em um vale, tem mais de setenta quedas d’água provenientes do degelo dos alpes, ovelhinhas pastando, flores por todos os lados e lindas casinhas típicas de madeira.

Por último, pegamos o trem até Interlaken novamente, e, depois outro trem para Berna, onde estávamos hospedados. E podemos dizer tivemos um dia inesquecível! Sem dúvida, as centenas de fotos que tiramos não dão conta da beleza espetacular da região. Quem tiver oportunidade de ir à Suíça e puder fazer o passeio certamente não irá se arrepender.

Quer fazer o passeio ao Jungfraujoch com guias brasileiras?
Entre em contato com a Lucy e a Magali, do Guia Suíça

Sobre Márcia Oliveira 226 Artigos
É uma carioca completamente apaixonada por viagens - assim que chega de uma já está planejando a próxima. Atualmente mora em Munique, na Alemanha. É Jornalista e tem um marido super gente boa que a acompanha em suas aventuras. Adora fotografia. Ama a família e os animais. Aprecia as coisas simples da vida. E adora escrever no blog e conversar sobre viagens!

73 Comentário

  1. ótima dica essa do bilhete do corcovado! eles aceitaram o desconto combinado com seu cartão half-fare?? estou pensando em ir e pegaria o swiss pass… sabe se eles aceitariam o desconto do swisspass combinado com essa oferta do bilhete do corcovado??? obrigado!

    • Oi Renato! Na verdade, você deverá usar o bilhete do Corcovado somente para obter os 50% de desconto – ou o Half Fare, se ele for elegível para esta atração. Ou seja: o bilhete do Corcovado e o Half Fare não são cumulativos neste caso. Vale muito a pena, porque os 50% de desconto no passeio do Jungfraujoch representam uma boa economia. Abraços!

  2. Olá,
    Vc sabe me dizer se o ingresso do Cristo que concede o desconto no Jungfraujoch é aquele ingresso ao Parque Turístico, aquele com uma foto do pão de açucar?

    • Lucas, é o ingresso do bondinho/trem do Corcovado. Tem uma foto do Cristo na frente e o verso é preto e branco.

      • Parabéns pelo blog, muito obrigada pelas informações…
        Com uma riqueza de detalhes…

        Poderiam me ajudar? Tenho um ingresso do Parque nacional da tijuca Corcovado e um ingresso ao Parque Turistico do Pão de Açucar.
        Será que é esse que garante desconto ao Jungfraujoch?
        Poderia mandar por email uma foto°

        Ademais, esse desconto é cumulativo com o desconto dado para quem tem o swiss pass?

        • Oi Andressa!
          Obrigada pelo seu feedback!
          O ingresso que garante o desconto é o ingresso para o trem do Corcovado. Não me lembro mais da aparência do ingresso, mas se for o do trem não tem erro.
          O desconto não é cumulativo com o Swiss Pass.
          Abraços!

  3. Mraro,
    Sem querer ser mto chato, será que vc poderia me passar um e-mail de contato para eu te enviar uma foto pra vc tentar me ajudar a identificar o ingresso?

  4. Oi Marcia,
    Ótimas dicas. Viajo em novembro para a Suíça e já me ajudaram.
    Se possível, gostaria da sua opinião: o que é melhor, se hospedar em Berna e de lá pegar o trem para Interlaken e Lucerna para fazer os passeios ou se hospedar nestas cidades? Como a distância entre Berna e estas cidades é de 1h acho que compensa, pois não precisaríamos trocar 3 vezes de hotel.
    Desde já agradeço a ajuda.
    At.
    Marcelo

    • Oi Marcelo, tudo bem? Que delícia ir pra Suíça no outono! Vai ser uma viagem linda, com certeza. Na minha opinião, é melhor ir de Berna para Interlaken – foi justamente o que eu fiz pra não ter que ficar mudando de hotel. Já em Lucerna, eu fiquei um dia e meio, mas acho que também dá pra você ir de Berna e conhecer a cidade em apenas um dia. Só verifique antes se o custo da passagem (ida e volta) compensa, porque trem na Suíça é bem caro. Não sei se você já leu, mas tem uma série de posts sobre a Suíça aqui no blog, talvez eles ajudem no seu planejamento: http://www.viajandoporai.com.br/category/suica/
      Um abraço, volte sempre, e, se precisar de mais alguma dica, é só falar. 🙂

      • Marcia, apenas dando um feedback…
        Decidi me hospedar em Interlaken, pois os hotéis em Berna estavam muito caros. Pesquisei o preço das passagens e compensa ficar 2 noites em Interlaken. Assim podemos iniciar o passeio para Jungfraujoch cedo e, como estou viajando com os meus pais, que já estão na faixa dos 70 anos, achei melhor passar outra noite em Interlaken para eles descansarem, já que o dia vai ser longo e os efeitos da altitude deve cansa-los. Mas devemos conhecer Berna, mesmo que em apenas 1 dia. Estive pesquisando o site da SBB e vou usar o serviço Fast Baggage. Despacho as malas em Genebra antes das 9hs e pego em Berna depois das 18hs, antes de embarcar para Interlaken.

  5. Olá Marcia, tudo bem? Estou indo para Suíça em Setembro agora e quero fazer o passeio a Jungfraujoch. Esse valor citado de 400,00 é o passeio + todos os trens de ida e volta. Desculpe a pergunta, mas fiquei na dúvida visitando o site do Jungfrau. Obrigado

    • Oi Léo, tudo bem? O site do Jungfraujoch realmente não deixa as informações muito claras. Mas o valor que citei inclui os bilhetes de trem a partir de Interlaken, para subida e descida do Jungfraujoch. Você tem a possibilidade de saltar e ficar um tempo nas cidades em que existem as estações intermediárias – e realmente vale muito a pena fazer isso. Só reserve pelo menos umas 4 horas para ficar lá em cima, porque há bastante coisa pra ser vista. Na descida, não deixe de parar um tempo em Wengen e em Lauterbrunnen. E tenha uma excelente viagem! Abraços!

  6. Olá Márcia tudo bem? Gostaria de saber se é possível comprar os bilhetes para Jungfraujoch a partir de Berna. Vi que você fez menção apenas à Interlaken. Eu ficarei hospedada em Berna e fiquei com essa dúvida, pq se for somente a partir de Interlaken tem que comprar mais uma passagem de Berna para Interlaken (ida e volta) é isso? Obrigada.. Ah, outra coisa, você sabe mais ou menos quanto é o gasto diário de transportes dentro de Berna (tram/ônibus) e quanto por dia vocês gastaram mais ou menos… Bjao

    • Oi Ludmilla! De qualquer maneira você terá que ir até Interlaken para subir para o Jungfraujoch. Eu também fiquei hospedada em Berna e de lá peguei o trem pra Interlaken para fazer o passeio. Desculpe, mas não me lembro o valor do Tram, só me lembro que tudo na Suíça é bem caro – hehehehe! No caso de Berna, é possível que você possa se deslocar a pé, porque a cidade é razoavelmente compacta. Se puder ajudar em mais algo, me avise. Bjs e excelente viagem para um dos lugares que eu mais amo! 🙂

  7. Márcia muitooo obrigada… que bom que gostou de lá, espero que valha muito a pena, (lugarzinho caro)!!! Eu estou calculando pra ver se o swiss pass compensa, por isso perguntei o valor de tram e outros transportes. Vi que tem passeios de barco em Interlaken, mas não vi menções a preços, então estou tentando ver se vou por conta (com o bilhete do corcovado em mãos) ou se compro o swiss pass. Bjoks e seu post foi o melhor e mais bem esclarecido que encontrei…. PARABÉNS

    • Tem que avaliar bem sobre o passe de trem. Eu comprei o Half Fare Card. Chegando a um guichê da cia. de trens de lá (que você encontra em vários lugares) e se chama “Sbb”, os atendentes ajudam você a escolher a melhor opção, dependendo do número de dias e viagens que você for fazer. Um beijo e depois passe aqui para nos dizer o que achou da viagem!

  8. Oi estou indo para Suiça em julho, e vou me hospedar em Zurique, saberia me informar se consigo fazer esse passeio a partir de lá? Quanto tempo antes tenho que sair para chegar a Interlaken? E desculpa mas nao entendi isso de desconto de passeio do corcovado, poderia me explicar? grata.

    • Oi Tayssa, de Zurique deve ser possível pegar um trem até Interlaken para fazer o passeio sim, mas você deve verificar antes o tempo de viagem para avaliar se vale a pena. O desconto com o bilhete do Corcovado funciona assim: você leva um tíquete do bondinho do Corcovado (já usado) e o apresenta no momento da compra do bilhete do Jungfraujoch, explicando que se trata da promoção de 50%. Simples assim! 🙂

  9. Olá, Márcia,
    Gostaria de saber se é possível comprar o passaporte pra Jungfrau em Lauterbrunnen. Isso porque eu vou de Zurique pra lá de carro, onde ficarei 2 dias. Os hotéis lá são muito mais baratos que Interlaken (apesar de serem apenas 6). Obrigado.

  10. Olá Marcia!

    Mais uma pergunta sobre o desconto do passaporte para Jungfrau c/ bilhete do Corcovado: O bilhete tem que ser obrigatoriamente USADO ?

  11. Olá Marcia Oliveira, bom dia. Tudo bem?

    Meu nome é Rodrigo e vou com a minha esposa em maio deste ano à Suíça, incluindo a subida ao Observatório Sphinx, com parada em Lauterbrunen e Wengen.

    A minha dúvida é a seguinte: O jungfraupass, aquele bilhete vermelho que você postou no seu blog; ele só dá direito à entrada ao complexo, ou já está incluída as passagens de todos os trens do percurso até lá?

    Porque pelo meu planejamento, nós vamos subir a montanha aos poucos; vamos inclusive pernoitar em Wengen, e só no outro dia que chegaremos ao topo. E por conta disso, estou com receio de pagar alguns bilhetes de trem em duplicidade, e sem necessidade. Por isso pergunto, se este bilhete é só para admissão, ou para os trens também…

    Obrigado desde já a sua atenção e ajuda.

    Cordialmente

    • Oi Rodrigo! Tudo bem sim! Esse passeio que vocês vão fazer é realmente imperdível! O bilhete inclui todas as paradas, não é apenas uma entrada. É bom mesmo que vcs subam a montanha aos poucos pra irem se acostumando à altitude. E as paradas são lindas. São cidades que parecem de brinquedo de tão perfeitas. A única dúvida que fico é se você poderá usar o bilhete por 2 dias. Porque eu fiz todo o percurso em um dia e, pelo que vc relata, irá pernoitar em Wengen (lugar maravilhoso!). Sugiro desta forma que você confirme isso com a empresa responsável por email mesmo, através do http://www.jungfrau.ch/en/tourism
      Se puder ajudar mais em algo, é só falar! Abraços e tenha uma excelente viagem! 🙂

  12. Olá Marcia, estou indo a trabalho para genebra em abril e terei um sabado livre e domingo até as 16:00h. Estou muito interessada em fazer esse passeio as montanhas. Como faço para ir de GVA até lá?

    • Oi Erika! Desculpe a demora na resposta… Você deve pegar um trem até Interlaken e lá comprar o tíquete para o Jungfraujoch. Reserve um dia inteiro para o passeio. Um abraço!

  13. Ola, Marcia minha preocupacao e com as sensaçoes que poderemos sentir na subida e permanencia no Jungfrau. Temos 70 e vamos acompanhados de amigos e guia… Quantas horas dura o passeio total? Podemos fazer a opacao de nao ir para o Palacio de Gelo? Qual a temperatura em maio? abracos Dilma Lisboa

    • Oi Dilma! Minha dica é chegar cedo ao ponto de partida e ir parando nas cidadezinhas em que você terá que trocar de trem. Isso, aliás, não é nenhum sacrifício, já que todas são deslumbrantes. E quando chegar ao topo, o que funcionou pra mim foi o seguinte: ir direto para a torre de observação, que é ao ar livre. Dá alívio imediato. Depois disso não sentimos mais nada e curtimos muito o passeio. O Palácio de Gelo é apenas uma das atrações – e é opcional. Você só entra se quiser. Em maio é primavera, então vocês devem pegar um tempo fresco e agradável embaixo. Mas não se engane: lá em cima, as temperaturas sempre beiram zero grau ou são negativas. Por isso, vá preparada! Um abraço é excelente passeio! 🙂

  14. Oi Marcia, vc foi a pessoa que melhor explicou sobre o passeio a Jungfrau. Vc sabe me dizer se para usar os bilhetes do corcovado para ter o desconto, esses bilhetes tem que ser do mesmo ano? Exemplo: eu posso usar os bilhetes do corcovado de 2014 fazer o passeio de Jungfrau em 2015 e obter o desconto?
    Outra pergunta:eu gostaria de chegar por zurich ficar um dia depois um em lucerna depois dois dias em interlaken e voltar para zurich para seguir para alemanha, vc acha que compensa comprar esse swiss pass que vc comprou, para fazer todos essas viagens de trem?
    aguardo seu retorno e já agradeço sua atenção.
    Chris

    • Oi Christine! Que bom que as informações ajudaram. Não sei se os bilhetes podem ser de anos diferentes… Mas, pra falar a verdade, nem ficaram conferindo muita coisa no meu bilhete do Corcovado. Quando você chegar ao aeroporto de Zurich ou na estação de trem, procure o quiosque de informações da empresa de trens e explique todo o seu trajeto. Eles farão as contas dos bilhetes de cada trecho e dirão se vale ou não a pena ou não comprar o passe. No nosso caso compensou. Um abraço e excelente viagem pra esse lugar maravilhoso que é a Suíça!!! 🙂

    • Christine, boa noite.
      Pedindo permissão a Márcia, apenas para ajudar, já que essa dica que ela deu é excelente, andei pesquisando e acabei chegando a resposta desta pergunta que tanto me interessa tb. 😀

      Diretamente do site onde compra os bilhetes do Jungfraujoch:

      Travel with the Trem do Corcovado in Rio de Janeiro (Brazil ) to Cristo Redentor and visit the
      Jungfraujoch – Top of Europe at half price up to one year after the trip.

      It works like this: Keep your Trem do Corcovado ticket.
      Present it at a Jungfrau Railways station ticket counter up to one year after the date of travel and pay half price to travel from Interlaken Ost to the Jungfraujoch – Top of Europe

      Ou seja, o ticket é de até um ano antes do dia que você quer ir.

      Bem, agora só preciso arrumar uns tickets desses tb. kkkkkkkk

  15. Olá Márcia…. eu e minha esposa vamos em maio pra Interlaken e sem dúvida vamos fazer o passeio de Jungfrau. Ficamos empolgados pela dica do Trem do Corcovado mas não tenho condições e tempo pra fazer esse passeio no Rio até nossa viagem. Tem alguma dica pra eu conseguir esse bilhete que dá 50% em Jungfrau? Afinal, o desconto é muito bom pra quem quer economizar…. Obrigado pelas dicas !

  16. Olá Márcia
    Estamos começando a formatar um roteiro para 6 dias na Suiça.
    Chegamos por Zurique e vamos direto para Interlaken ,noite em Interlaken.
    Dia 1 :jungfrau
    Dia 2 :Interlaken e ida para Lucerna
    Dia 3 :Lucerna
    Dia 4 :ida para Zurique
    Dia 5 :Zurique
    Dia 6 :ida para Munique

    Minhas dúvidas são quanto ao roteiro pois vi que voce veio via Berna e tá muito diferente mas temos uma opção de pegar uma excursão de onibus em Lucerna e passar o dia em Jungfrau mas estamos achando muito corrido ,então,talvez seja melhor ir com mais calma pois estamos na casa dos 50 e poucos e minha mulher é asmática e voce falou em aclimatação e talvez indo parando como voce fez seja mais legal para aproveitarmos ao máximo pois suas dicas e fotos nos inspiraram bastante.
    Se puder nos ajudar analisando o roteiro e tirando a dúvida se fazemos com mais calma ou encaramos a excursão.
    Agradeço desde já
    Fernando

    • Olá Fernando! O importante é chegar cedo a Interlaken para começar a subir. Assim vcs aproveitam mais o dia e vão parando um pouco nas estações intermediárias, antes de subir ao Jungfraujoch. Veja em qual dos dois trajetos vcs teriam mais tempo por lá. E aproveitem muuuito o passeio!!! Abraços!!

  17. Marcia,
    Pretendo ir com minha mulher para suica no verão e estou na duvida se fico em lucerna e faco uma excursão de bate volta para jungfrau de onibus pela viator ou se deixo as malas na estacão de trem em Zurich(por onde vamos chegar de avião)e vamos para Interlaken e subimos com calma jungfrau e depois vamos para Lucerna e depois voltamos para Zurich(dormindo um dia em cada lugar citado) onde seguiremos para Munique.Vimos seu post sobre subir as montanhas ficando um pouco em cada cidade para não enjoar e ficamos com essa dúvida.E não queremos tambem uma viajem cansativa.Desde já agradeço sua ajuda.
    Fernando

  18. Oi Marcia,
    Eu e minha mãe vamos viajar para a Europa em julho e daremos uma passada pela Suiça. Já reservamos hotel e trem para zurich e queriamos muito conhecer Jungfraujoch. Primeiro queria saber se os tickets do passeio com as passagens de trem podem ser comprados online por garantia e segundo se voce acha uma boa ideia dormir uma noite em Jungfraujoch, pois reservamos uma noite lá.

    Muito obrigada pelo post tão detalhado!
    Jéssica

    • Oi Jessica! Você pode tentar comprar suas passagens com antecedência através do site http://www.sbb.ch
      Os tíquetes do passeio ao Jungfraujoch você pode comprar na hora mesmo. Acho que deve ser lindo pernoitar em uma das cidades da subida e da descida. Deve ser em uma delas que você reservou o hotel (lá em cima não há hotéis, pelo menos até onde eu sei). Enfim, este é um passeio lindo, tomara que vocês peguem um lindo dia de sol para ele ser ainda mais especial! Um abraço e ótima viagem!

  19. Olá, Márcia!

    Tudo bom?

    Estarei indo para a Suíça em Agosto, e ficarei 3 dias em Brienzersee (também passarei por Montreux, Berna e Zurique), e lendo seu post fiquei com algumas dúvidas sobre o passeio:
    1. Agosto ainda é um mês quente na Suíça (principalmente no início; chegarei lá dia 1 de Agosto), mas deve ser muito frio no topo da montanha. Você aconselha levar uma mochila com uma roupa para frio enquanto subo? Porque a temperatura lá em cima deve ser bem mais fria do que a temperaturas nas cidades, não?
    2. Não entendi muito bem as partes onde você para nas cidadezinhas. Toda vez que você desce do trem, você precisa pegar um bilhete novo? Ou o bilhete que você compra em Interlaken é válido para todas as paradas? Essa ideia de poder descer do trem, ver a cidade e voltar é um pouco obscura pra mim; parece que vou precisar pagar por cada vez que sair do trem.

    Muito obrigada pela atenção!
    Um grande abraço!

    • Oi Gabriela! Tudo bem sim! Olha, leve casaco, gorro e luvas. Mesmo no verão faz frio no topo!! Sobre as paradas: quando vc compra o tíquete em Interlaken, vc tem direito a parar nas cidades em que há troca de trens. E isso vale muito a pena, porque elas são lindíssimas!! Não é preciso pagar cada vez que vc sai ou entra nos trens, seja na subida ou na descida. Um abraço e ótima viagem!!

  20. Olá! Estou indo em julho para a Suíca, queria saber se posso pegar o trem para o Junfrau em Wengen ou Lauterbrunnen, ou se é obrigatório eu pegar o trem desde Interlaken Ost. Vou estar hospedada em Wengen. Agradeceria muito a tua ajuda.

  21. Oi Marcia
    Estou com uma duvida. Não sei se você vai conseguir ajudar.
    Se comprarmos o ingresso online do corcovado… será que o voucher que imprimimos na internet servirá pra apresentar e ganhar o desconto??
    Ou tem que ser um ticket lá do corcovado??
    Obrigada desde já

  22. Ola Marcia, parabens pelo blog. Ele é excelente!!
    vou pra interlaken no dia 21/12 ja comprei o passe germay -Switzerland pass. Vc sabe me dizer se este ticket da direito a descontos na compra do ticket pra jungfraujoch.?

  23. Olá Marcia

    Você sabe se ainda existe este desconto de 50% com o passe do corcovado, e se vale para o ano inteiro? Estarei indo em maio deste ano.
    Não consigo encontrar esta informação no site deles atualmente.

    Outra coisa, você sabe se até Wengen dá pra chegar de carro e andar pelas primeiras cidades? Estarei de carro na região por 4 dias. Pretendo hospedar em Lucerna mas explorar a região.

    Obrigado

  24. Olá Marcia, adorei as dicas! Você pode me ajudar com a questão do trem do Corcovado, eu apresento o ticket onde? Na estação de interlaken mesmo? E aí já compro todo o trajeto de interlaken ao jungfrau com 50% de desconto? Outra dúvida é se é melhor eu já comprar o retorno de interlaken para Zurique antes ou quando eu chegar lá ? As passagens de trem mudam de preço ou continuam o mesmo preço?
    Desde já obrigada

  25. Olá Marcia!

    Estarei indo a Zurique em maio, gostaria de saber se tem como ir em 01 dia apenas de Zurique a Jungfrau, outra coisa as passagens devem ser compradas com antecedência?

    • Acredito que seja possível, mas eu saí de Berna pra Interlaken. Vc deve calcular o tempo de deslocamento de trem entre as duas cidades e deixar pelo menos umas 5/6 horas pro passeio do Jungfraujoch. Pode comprar a passagem na hora sim. Boa viagem!

  26. Adorei todas as dicas, estava começando a pesquisar!! Só mais uma duvida: pessoas com msis de 60 anos tem descontos no bilhete do trem Jungfrau??

    • Olá Adelina! Pelo que vi no site do Jungfaujoch, o desconto não se aplica a pessoas com mais de 60 anos. Mas não custa perguntar na hora em que for comprar os ingressos. Abraços!

  27. Oi queria saber como faço para comprar o passe de trem, se no site ou na hora, estou querendo fazer meu 1° mochilão e ir no Top of Europe, mas não sei o que fazer e os preços em francos espero que não seja tão absurdo

      • Oi Márcia! Adorei todas as dicas. Só fiquei com uma dúvida.
        Estarei em Montreux e farei trem panorâmico Golden Pass até Interlaken ost.
        Só que estarei com minhas bagagens. E gostaria de usar o fast baggage até Lucerna.
        Minha idéia era fazer tudo num dia só. Pegar trem panoramico em Montreux as 7:44, e chegaria as 11:04 em Interlaken ost e de lá fazer as paradas ( ida Grindewald e volta Lauterbannen) até fazer circuito de Jungfrau e voltar.
        Na volta iria de Interlaken até Lucerna. E de lá pegar as bagagens. Me dá uma ajuda! Dá tempo de pegar as bagagens em
        Lucerna? O que vc me aconselha? Vc possui último horário para pegar bagagem fast baggage em Lucerna? Nao encontrei. Obrigada!!!!

  28. Boa tarde Marcia.
    Estarei indo em novembro para Suiça somente para conhecer o top of Europe, minha viagem começara no melhor destino pra subir ao topo e na descida da visita seguira para veneza,
    Mas minha duvida e a seguinte: Ainda existe esta promoção de 50% com os bilhetes do trem corcovado? Onde posso consultalas? e voce sabe me dizer quanto tempo entre a ultilização do bilhete do corcovado e a data do desconto?

    Obrigada

  29. Olá e a partir de Zurich que será minha cidade base que linha de tram devo usar para ir a Jungfraujoch??? Vou em julho desse ano – 2017.

  30. Olá Márcia, estarei na Suiça no início de Maio e irei para Interlaken de carro partindo de Zurique. Onde posso comprar o ticket para Jungfraujoch? É fácil encontar para o mesmo dia?

  31. Olá Marcia,
    Estou indo para a Suíça em agosto e vou me hospedar em Grindelwald. Estou tentando comprar o ingresso para o Jungfraujoch pelo site oficial mas não vejo a opção de e-ticket. Estou receoso em comprar o ter que aguardar vim o bilhete por correios (se for assim acho que não chega).
    Sabe me dizer se o bilhete sai online (e-ticket)?

4 Trackbacks / Pingbacks

  1. Lucerna (Suíça): impossível não se apaixonar por esta cidade dos sonhos
  2. Destaques da Semana 46 | RBBV – Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem
  3. O blog Viajando por aí é destaque no site da RBBV | Viagens pela Europa, EUA, Brasil e América do Sul
  4. SUÍÇA E ÁUSTRIA | Dicas da Rege

Dê vida a este blog! Deixe sua opinião aqui!