Uma visita à Ikea de Budapeste

Quem vai à Europa, Estados Unidos ou Ásia e gosta de decoração a um preço acessível não pode deixar de visitar a Ikea, uma megastore de itens para casa de origem sueca, que coloca a Etna e a TokStok no chinelo no que diz respeito a preço, variedade, tamanho e atendimento.
Nas minhas andanças pelo Velho Continente, nunca tinha tido oportunidade de ir a uma loja da rede, mas sempre acompanhei seus catálogos e boas ideias via web, que acabavam se transformando em inspirações para a decoração da casa.No ano passado, quando estive de férias em Budapeste, vi que era possível chegar à Ikea de metrô e não pensei duas vezes: depois de algumas baldeações fui até lá literalmente bater perna no megagalpão que compõe a loja.

Posso dizer que o passeio valeu muito a pena! Saí de lá de sacola cheia, e, o que é melhor: gastei muito pouco. Quase tudo é bonito, tem design original e é bastante acessível, por isso dá vontade de fretar um avião e trazer a loja toda  (mesmo não sendo uma pessoa consumista)! Mas, como o dindin normalmente é pouco e o limite de peso das cias. aéreas é relativamente reduzido, tive que me contentar com as miudezas que pudessem ser espalhadas pelos vãos que ainda existiam nas malas.

Quem quiser conhecer o site da loja, acesse aqui.

 

Sobre Márcia Oliveira 226 Artigos
É uma carioca completamente apaixonada por viagens - assim que chega de uma já está planejando a próxima. Atualmente mora em Munique, na Alemanha. É Jornalista e tem um marido super gente boa que a acompanha em suas aventuras. Adora fotografia. Ama a família e os animais. Aprecia as coisas simples da vida. E adora escrever no blog e conversar sobre viagens!

1 Trackback / Pingback

  1. Budapeste: o essencial da "Paris do Leste" - Viajando por aí | Viajando por aí

Dê vida a este blog! Deixe sua opinião aqui!